Sociedade

Homem mata mulher com dois tiros de caçadeira na via pública em Esmoriz

Populares impediram o homem de se suicidar e mantiveram-no detido até chegar a GNR

Um homem, de 79 anos, matou a ex-companheira, de 58 anos, com dois tiros de caçadeira à queima-roupa, na via pública em Esmoriz.

O homem dirigiu-se ao local onde a vítima trabalhava, encontrou-a na caixa do multibanco e disparou.

Segundo o Correio da Manhã, o homem terá tentado suicidar-se depois de disparar contra a mulher, mas dois populares conseguiram impedi-lo e imobilizaram-no até que a GNR chegou ao local e o levou detido.

Testemunhas, disseram ao mesmo jornal, que o homem sofria de cancro terminal e que tinha afirmado que "se não podia viver ela também não".

A vítima sofreu uma paragem cardiorrespiratória na sequência de ter sido alvejada e o óbito foi declarado no local.

O caso foi entregue à Polícia Judiciária de Aveiro, que vai agora proceder a várias diligências.