Sociedade

Três pessoas desrespeitaram confinamento após testarem positivo à covid-19 em Vila do Conde

Factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Vila do Conde.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) identificou, esta segunda e terça-feira, um homem e duas mulheres, com idades compreendidas entre os 36 e os 42 anos, infetados com o novo coronavírus, por não respeitarem a medida de confinamento obrigatório que lhes foi decretada pela autoridade de saúde pública, no concelho de Vila do Conde.

“Face ao aumento significativo de novos casos de cidadãos que testaram positivo à COVID-19 ocorrido nos últimos dias no concelho de Vila do Conde, os militares da Guarda realizaram uma ação de fiscalização de forma a assegurar o cumprimento do previsto no regime da situação de contingência e alerta, no âmbito da pandemia da doença covid-19”, começa por explicar a força de segurança, em comunicado.

A GNR explica que em Vila do Conde já foram controladas 115 pessoas sujeitas a tal obrigação, tendo sido detetados três crimes de desobediência por incumprimento do previsto, em que os cidadãos optaram por se ausentar do domicílio.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Vila do Conde.