Vida

Modelo transexual foi violentamente agredida e ameaçada de morte dentro do próprio apartamento

Jovem ficou com a mandíbula e o nariz fraturados.

Alice Felis, modelo transexual brasileira, foi alvo de uma violenta agressão. Nas redes sociais, a jovem, de 25 anos, denunciou o sucedido e deixou todos em choque.

Segundo a modelo, tudo aconteceu no domingo, no seu apartamento, em Copacabana, no Rio de Janeiro. Alice conta que foi agredida por um homem e que este a tentou esfaquear, depois de invadir o local. O suspeito fugiu levando cerca de três mil reais, perto de 500 euros, que alegadamente era todo o dinheiro que a brasileira tinha.

A jovem ficou com a mandíbula e o nariz fraturados, bem como com vários dentes partidos, e mostrou o apartamento ensanguentado. Nas imagens, a modelo surge visivelmente emocionada e explica que não tem dinheiro e precisa de ajuda financeira.

"Ele veio, me bateu, tentou me esfaquear. Eu implorei para que ele não me matasse", disse. "Ele levou meu único dinheiro. Agora não tenho dinheiro para nada. Ele ainda me ameaçou dizendo que não era para eu ficar no Rio. Se ficasse, ele disse que ia me matar de verdade", contou, revelando que tem medo de ficar na casa, mas que não tem para onde ir.

As agressões terão sido tão graves que a jovem chegou a desmaiar e só acordou duas horas depois.

A brasileira não deu muitos pormenores acerca do suspeito, mas lamentou o sucedido. “Você abre a porta de sua casa para uma pessoa, achando que é do bem, e do nada ela faz isso”, disse.

O caso já está a ser investigado pelas autoridades.

A história voltou a trazer à de cima a violência contra a comunidade LGBT+ e teve grande impacto na Internet. Vários utilizadores reuniram-se para angariar fundos para ajudar a jovem e houve vários famosos que partilharam o caso para apoiar a modelo.