Politica

Marcelo não está "tão otimista" com Avante como PCP ou DGS

Chefe de Estado revelou que chegou a comunicar a sua posição aos dirigentes comunistas.

O Presidente da República disse esta sexta-feira que não tem “uma perceção tão otimista quanto a da DGS e do partido organizador" quanto à realização da Festa do Avante.

"Não escondo, e tive ocasião de dizer aos responsáveis do PCP, de uma forma cordial, mas muito franca, que a minha perceção não é tão otimista como a perceção da DGS e como a perceção do partido", adiantou Marcelo Rebelo de Sousa, à margem de uma visita ao município de Castro Marim.

No entanto, o chefe de Estado fez questão de sublinhar que ficaria “muito feliz” se o balanço final do evento for positivo. "Só depois de concretizada é que se verá quem tinha mais razão ou menos", acrescentou.