Sociedade

Português detido em Málaga por suspeita de agredir filho de 2 meses

O menor vivia com os pais em Málaga e permanece internado desde 24 de agosto.

Um cidadão português de 35 anos foi detido pela Polícia Nacional de Málaga, em Espanha, por suspeitas de agredir o bebé de dois meses. A criança deu entrada no hospital a 24 de agosto com lesões cerebrais, fraturas nas costelas e na tíbia e com um olho a sangrar. Os sintomas eram compatíveis com síndrome do “bebé sacudido”.

Às autoridades, o suspeito disse que estava a brincar com o filho ao colo e este caiu. No entanto, esta hipótese foi descartada visto que a síndrome do bebé sacudido só acontece quando a criança é abanada sem apoio na cabeça.

O homem vive com a companheira em Málaga e vai ser presente à justiça pelo crime de maus-tratos. A criança continua internada.