Vida

Demi Lovato revela que lida com a depressão e ideias suicidas desde os sete anos

Em 2010, quando já protagonizava uma série na Disney, foi diagnosticada com um transtorno bipolar. Ao mesmo tempo, já estava a receber tratamento devido a um colapso nervoso, bulimia, automutilação, mas também para o vício em álcool e cocaína. 

Demi Lovato revelou, numa entrevista a Zane Lowe para o canal Apple Music, que a sua luta contra transtornos de saúde mental começou na sua infância. A cantora, de 28 anos, contou que desde os sete anos que lida com depressão e ideias suicidas.

A artista começou por revelar que passou vários anos a perseguir “a perfeição”. Em 2010, quando já protagonizava uma série na Disney, foi diagnosticada com um transtorno bipolar. Ao mesmo tempo, já estava a receber tratamento devido a um colapso nervoso, bulimia, automutilação, mas também para o vício em álcool e cocaína. Recorde-se que, em 2018, Demi foi hospitalizada depois de sofrer uma overdose.

"Eu lidei com a depressão e ideias suicidas desde os sete anos de idade, e isso é algo sobre o qual tenho falado muito. Eu poderia facilmente ser alguém que não estaria nesta entrevista hoje. Então, sou grata por ter tido o apoio e a equipa certa à minha volta para me ajudar a superar esse momento", disse a artista.

Demi aproveitou a entrevista para dizer que todos podem superar uma depressão."Pode ser muito, muito obscuro, mas temos que nos lembrar que não podemos procurar soluções permanentes para problemas temporários, porque a vida vai e vem", explicou.

"Eu mesma tive que aprender muito, muitas tentativas e erros. Passei anos a perseguir a perfeição com a minha imagem e o meu corpo, e a controlar a minha dieta por meio de distúrbios alimentares e coisas assim. Quando eu percebi que a perfeição é inatingível, não importa quem tu és, tu podias ser literalmente a pessoa mais perfeita do planeta, mas ainda haverá algo cientificamente imperfeito contigo ", disse.

"Eu não persigo mais a perfeição porque sei que ela não existe. E trata-se de encontrar um equilíbrio. Sim, tem sido uma jornada, mas sinto que muito disso vem com a idade, apenas com a aprendizagem”, acrescentou.

Esta quinta-feira, Dia Mundial da Prevenção do suicídio, Demi lançou o videoclipe da música “Ok Not To Be Ok”, que aborda o tema.