Internacional

Pais cercam homem que espiava adolescente na casa de banho. Era um criminoso sexual com várias condenações

Pais viram homem a fugir mas não lhe facilitaram a vida.

Um grupo de pais conseguiu deter, este domingo, um homem que estava a espiar uma adolescente dentro de uma casa de banho, na Carolina do Sul, EUA. O homem era um criminoso sexual já condenado.

Segundo a imprensa norte-americana, tudo começou quando uma adolescente, de 15 anos, voltou da casa de banho de um restaurante e contou ao pai que um homem a estava a espiar por debaixo da porta.

Quando a jovem saiu, o suspeito continuava na casa de banho, então o pai pediu a uma funcionária para tirá-lo do espaço. Quando o suspeito tentou fugir, o pai conseguiu derrubá-lo. Ao verem o pai zangado e o homem a fugir novamente, um grupo de pais, que acompanhavam as filhas para um torneio de softbal, conseguiu apanhar o homem e cercaram-no até a polícia chegar.

Uma testemunha filmou o momento e o suspeito, identificado como Douglas Lanes, de 53 anos, surge sentado no chão e com o rosto ensanguentado.

Douglas Lane era na verdade um criminoso sexual já condenado.

Em tribunal, esta segunda-feira, o homem alegou que não sabia que estava na casa de banho das mulheres.

De acordo com as autoridades, Lane já tinha sido condenado por espiar várias crianças. A sua história criminal data de 1984 e já tem pelo menos oito condenações.