Sociedade

Utilizava redes sociais para forçar mulheres a encontros e depois as violar

Suspeito ganhava confiança das vítimas para obter informações e imagens sensíveis.


A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem, de 34 anos, por fortes indícios da prática de dois crimes de violação, um na forma tentada, vitimando duas mulheres, com 35 e 46 anos de idade, na ilha de São Miguel, nos Açores.

Segundo a autoridade, o arguido utilizava as redes sociais da internet para interagir virtualmente com as vítimas. “Começava com granjear a confiança das mesmas, com o objetivo de obter informações e imagens sensíveis, que depois usava para as constranger a encontro, para a prática de atos sexuais”, revela a PJ.

Num dos casos, o crime foi consumado.

O detido, que tem antecedentes criminais por crime da mesma natureza, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.