Sociedade

Quatro utentes da Santa Casa da Misericórdia de Bragança morreram infetadas com covid-19

Já foram infetadas 123 pessoas da instituição.


O número de mortes relacionadas com o surto de covid-19 que surgiu na Santa Casa da Misericórdia de Bragança (SCMB) subiu para quatro, esta quinta-feira, de acordo com o porta-voz da instituição, José Fernandes. Durante o dia de hoje foram confirmados os primeiros óbitos relacionados com o surto que testaram positivo à covid-19.

Primeiramente, a instituição anunciou a morte de uma idosa de 88 anos. Durante a tarde, foram confirmadas duas vítimas mortais, duas mulheres de 83 e 95 anos. Perto das 16h00, José Fernandes anunciou o quarto óbito: uma mulher de 78 anos.

A mulher de 83 anos estava internada no Hospital de Bragança. As utentes de 88 anos e de 95 apresentaram alguns sintomas mais graves da infeção também esta quarta-feira e foram transportadas para a unidade hospitalar. 

Já foram infetadas 123 pessoas da instituição. Tratam-se de 102 utentes e 21 colaboradores, dos quais 20 trabalham em dois dos três lares da instituição.