Internacional

Kamala Harris diz que EUA assistiram ao "maior falhaço de qualquer administração na história do país" durante a pandemia

Mike Pence diz que o atual Presidente salvou milhares de vida ao decidir encerrar as fronteiras com a China no início da pandemia. 

Esta quarta-feira à noite (hora local), foi marcada pelo debate vice-presidencial entre a candidata democrata Kamala Harris e o candidato republicano Mike Pence, onde foram abordados vários temas como o novo coronavírus, os efeitos económicos da pandemia e a questão dos votos por correspondência.

Kamala Harris disse que o povo americano "assistiu ao maior falhaço de qualquer administração presidencial na história do país" durante a liderança de Trump e Pence, referindo-se à forma como o chefe de Estado e a sua equipa lidou como aparecimento da covid-19 nos EUA, país onde se regista um maior número de casos e óbitos relacionados com a doença.

Para a democrata, o facto de Trump e Pence terem ocultado a seriedade da doença durante um mês complicou todo o cenário norte-americano."Eles sabiam o que estava a acontecer e não vos disseram", afirmou a candidata à vice-presidencia do país. 

Por outro lado, o vice-Presidente defendeu a administração de Trump e diz que o atual Presidente salvou milhares de vida ao decidir encerrar as fronteiras com a China no início da pandemia. Pence afirma ainda que haverá "dezenas de milhões de doses" da vacina contra a covid-19 prontas para distribuir "antes do final do ano" e acusa Joe Biden de "plagiar" o plano de combate dos republicanos. 

Em relação ao plano económico, Kamala afirma que os planos dos republicanos e democratas não poderiam ser mais diferentes e defende que Joe Biden "acredita que se mede a saúde e força da economia americana com base na saúde e força do trabalhador e da família americana. Por outro lado, "Donald Trump mede a força da economia com base em como estão as pessoas ricas", refere a candidata.

Harris prometeu que Biden irá anular os cortes de impostos feitos por Trump e usar esse dinheiro para investir em infraestruturas, inovação, energia limpa e educação, com alguns níveis de ensino superior a tornarem-se gratuitos. Pence tentou desacreditar a democrata e afirmou que caso Biden suba ao poder este irá aumentar os impostos. Harris garantiu ainda que ninguém que ganhe menos de 400 mil dólares por ano sofrerá um aumento da carga fiscal, caso Joe Biden assuma o poder.

Tal como Trump, Pence abordou a questão dos votos por correspondência e acusou os democratas de estarem a tentar cometer "fraude eleitoral" e diz que tanto ele como o atual Presidente dos EUA estão " a lutar diariamente nos tribunais" para evitar este cenário.