Internacional

Vídeo mostra menino de cinco anos a atacar suspeitos armados para proteger a mãe

Casa foi invadida por suspeitos armados e menino, de cinco anos, decidiu agarrar num brinquedo e atacar os invasores.

O Departamento de Polícia de South Bend, no estado norte-americano do Indiana, está a pedir a ajuda dos cidadãos para obter informações sobre uma invasão a uma casa no passado dia 30 de setembro e que envolve quatro suspeitos, que ainda não foram identificados.

Através das redes sociais, a polícia acabou por partilhar imagens captadas pelas câmaras de videovigilância da habitação para pedir ajuda aos utilizadores. No entanto, o que acabou por chamar à atenção nas imagens foi a forma como um menino de cinco anos surge a tentar lutar contra os suspeitos.

O vídeo partilhado pelas autoridades mostra quatro homens, armados, a invadir a casa. Segundo a imprensa norte-americana, terão sido disparados tiros - uma versão que vai ao encontro do que foi dito pela polícia, que adiantou que foi chamada a responder a relatos que davam conta de disparos, mas também ao que foi dito pela dona da casa, Tamika Reid.

A mulher recordou que estava a passar a ferro no chão quando os suspeitos entraram em casa. Nas imagens, os homens são vistos a apontar as armas a Tamika, enquanto a levam para outra divisão da casa. O menino, de cinco anos, acaba por agarrar num dos seus brinquedos e é visto a atacar os intrusos para proteger a mãe.

“Ele estava a tentar acertar nos homens. Eu só pensava que precisava de tirá-los de casa antes que eles fizessem alguma coisa ao meu filho ”, disse Reid, que apelidou o filho de “herói”.

Os suspeitos acabaram por fugir do local antes de a polícia chegar. As autoridades revelaram que ninguém ficou ferido e que não foi levado nada de casa. No entanto, as circunstâncias do crime continuam por revelar e os suspeitos por identificar.