Sociedade

Material furtado nos paióis de Tancos recuperado

O arguido, apontado como cabecilha do grupo, João Paulino, esteve envolvido numa operação para efetuar a devolução dos restantes materiais. 

O material que tinha sido furtado nos paióis de Tancos e ainda se encontrava escondido foi recuperado esta sexta-feira, avançou a TVI.

Juntamente com a Polícia Judiciária, o arguido, apontado como cabecilha do grupo, João Paulino, esteve envolvido numa operação para efetuar a devolução das granadas, explosivos e munições que ainda não tinham sido entregues, uma semana após ter mostrado vontade de devolver o material às autoridades.

Segundo a TVI, este material estava escondido numa zona de pinhal, no centro do país. 

Recorde-se que o julgamento do processo de Tancos começa dia 2 de novembro.