Sociedade

Efemérides de 19 de outubro

202 a.C. Ocorreu há 2222 anos a Batalha de Zama, decisiva na Segunda Guerra Púnica (que acabou com 20 anos de enfrentamentos), quando o exército romano (chefiado por Cipião Africano) derrotou os cartagineses (de Aníbal).

1813 Napoleão Bonaparte (1769-1821) foi derrotado há 207 anos na Batalha das Nações, também conhecida como Batalha de Leipzig (pela zona alemã em que teve lugar) – partindo em seguida para o (seu 1º) exílio de Elba.

1921 Noite Sangrenta em Lisboa, assim ficou conhecida uma cruel revolta de marinheiros, há 99 anos, na qual seria fuzilado o chefe do Governo, António Granjo (n.1881, apesar de refugiado em casa de uma pessoa próxima dos revoltosos que o procurou defender, Cunha Leal), com Machado dos Santos e outras personalidades da I República.

1972 Amílcar Cabral (1924-73), dirigente do PAIGC, anunciou há 48 anos na ONU a proclamação da independência da Guiné-Bissau, que ocorreu em Setembro de 1973, meses depois de o próprio já ter sido assassinado numa conspiração nunca esclarecida, mas que se julga ter sido de correligionários apoiados pela PIDE.

1986 António Ramalho Eanes (n.1935, Presidente da República entre 1976-86) assumiu a presidência do PRD, Partido Renovador Democrático, criado um ano antes pelos seus apoiantes, e que desapareceria nos anos 90, já sem ele lá, e depois de várias derrotas eleitorais.

1987 O índice da Bolsa de Valores de Nova Iorque cedeu há 33 anos 22 por cento num só dia, provocando perdas na ordem dos 500 milhões de dólares, numa das mais famosas ‘bolhas borsáteis’ rebentadas.

2013 O violino (Stradivarius) que tocou no naufrágio do Titanic para acalmar passageiros (cujo intérprete, o maestro da orquestra do barco, também morreu no desastre, em 1912) foi leiloado há 7 anos por um milhão de euros.

2014 Cientistas russos apresentaram há 6 anos um aparelho que vigia em permanência a gravidez, sem causar danos ao feto.

2017 A UE apoiou Madrid há 3 anos, perante o desafio secessionista catalão.

2019 Medalhas portuguesas em judo, Marraquexe (Patrícia Sampaio, bronze) e prata em canoagem (José Ramalho), na China.