Sociedade

Portugal pode passar 4.000 casos/dia na próxima semana

As projeções apontam para uma subida dos casos na próxima semana, com maior pressão sobre os hospitais e equipas de saúde pública. 

Os especialistas ouvidos pelo jornal i ao longo da semana admitem que se poderá chegar a uma média de 3500 casos diários, superando em alguns dias os 4 mil. O Norte tem a situação epidemiológica mais difícil, com a região do Tâmega e Sousa com maior incidência. 

Paços de Ferreira foi o concelho a nível nacional com maior incidência de casos na semana passada, mas os casos aumentaram noutros concelhos limítrofes e o Governo avançou com as primeiras medidas restritivas localizadas em Paços, Felgueiras e Lousada. Já ontem a ministra da Saúde indicou que, em Penafiel, está a ser instalado um hospital de campanha.

Em entrevista ao SOL, o presidente do centro hospitalar admite que não há sinais de estabilização e que a pressão é muito grande, maior do que era esperado nesta altura.

Noutros hospitais do Norte aumentou a pressão: Gaia teve de reforçar as camas de cuidados intensivos para doentes com covid-19 e Matosinhos suspendeu visitas.