Sociedade

Já foram canceladas 96 mil cirurgias em nove meses por conta da pandemia

O número pode chegar às 152 mil operações por realizar este ano.


Até setembro, já foram canceladas 96 mil operações devido à pandemia, adiantou esta quinta-feira o Jornal de Notícias. No entanto o número pode crescer até às 152 mil cirurgias por realizar em comparação com o ano passado, de acordo com a projeção do Ministério da Saúde, adianta o Público.

Se antes da pandemia se assistia a uma tendência da recuperação das listas de espera de cirurgias em relação a 2019, então desde fevereiro passou a existir um retrocesso: até setembro houve 96 mil cirurgias canceladas e, agora, por conta da pressão sob o Serviço Nacional de Saúde, o Governo já admitiu também suspensão de operações e consultas programadas

De acordo com as projeções apresentadas na nota explicativa do Orçamento de Estado para 2021 para a saúde, prevê-se que deve haver menos 12,5% consultas médicas em 2020 nos hospitais do que no ano passado, ou seja menos um milhão ee meio de consultas, e 21,6% menos operações, o que representa menos 152 mil cirurgias, avança o Público.