Internacional

Morreu Peter Sutcliffe, conhecido como o "Estripador de Yorkshire"

Assassino em série tinha testado positivo ao novo coronavírus.

Peter Sutcliffe, conhecido como o “Estripador de Yorkshire, morreu, aos 74 anos, anunciou o Serviço Prisional da Grã-Bretanha.

O homem, que cumpria pena de prisão perpétua depois de ter sido condenado pelo assassinato de 13 mulheres no norte da Inglaterra, entre 1970 e 1980, morreu no Hospital Universitário de North Durham, onde se encontrava internado depois de testar positivo à covid-19.

Antes de ser diagnosticado com o vírus, o criminoso tinha sido assistido naquela unidade hospitalar há cerca de duas semanas, depois de indícios de um enfarte. Peter Sutcliffe acabou por regressar à prisão, mas foi diagnosticado com covid-19 e retornou ao hospital.

De acordo com a BBC, o homem, que sofria de vários problemas de saúde, terá recusado receber tratamento para o novo coronavírus.

A causa da morte está a ser investigada.