Desporto

Cristiano Ronaldo a caminho do recorde de Ali Daei: "Será uma honra e vou dar-lhe os parabéns quando acontecer"

O antigo internacional iraniano diz ter a certeza que CR7 vai tornar-se em breve o goleador máximo por seleções

Portugal falhou o acesso à final four da Liga das Nações após derrota (1-0) com a França, no estádio da Luz, este sábado. Apesar de Cristiano Ronaldo ter ficado em branco, o recorde de goleador máximo por seleções está cada vez mais próximo. Com 102 golos, o português continua a 7 da marca histórica alcançada por Ali Daei (109). O avançado da Juventus pode aproveitar o jogo com a Croácia, na terça-feira (17 de novembro), para dar mais um passo rumo a este objetivo.

O iraniano já comentou a hipótese e diz que espera que CR7 supere o seu registo: "Espero sinceramente que o Cristiano Ronaldo alcance o meu recorde de golos". Em declarações divulgadas pelo Tuttomercato, o ex-goleador garantiu que será uma honra caso o capitão da seleção portuguesa consiga superá-lo. "Seria uma verdadeira honra para mim se um jogador com a sua classe o pudesse fazer. O Cristiano Ronaldo é um dos melhores jogadores não só do seu tempo, mas de sempre. É um fenómeno absoluto". 

"O que faria quando o momento chegasse? Simples, dar-lhe-ia os parabéns diretamente. Mas primeiro tem de lá chegar. O Cristiano Ronaldo já tem 102 golos por Portugal e vai bater o meu recorde, tenho a certeza disso, mas ainda tem sete golos pela frente", rematou.

Recorde-se que a equipa das Quinas vai fechar em Split a fase de grupos da prova - e também fazer a despedida da competição na qual defendia o estatuto de campeão em título.