Sociedade

Detido homem suspeito de ter matado pai e irmã grávida em Torres Vedras

As vítimas, um homem de 63 anos e a filha de 37, foram encontradas mortas, este sábado, numa habitação em Santa Cruz, Torres Vedras.

O homem suspeito do homicídio do pai e da irmã grávida em Torres Vedras foi detido esta madrugada, na Amadora, segundo um comunicado do Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública enviado às redações.

"O Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública, através da Divisão Policial da Amadora, no dia 16 de novembro de 2020, pelas 00H15, na sequência de um pedido de paradeiro, logrou identificar um cidadão do sexo masculino, de 28 anos de idade, solteiro, residente na zona de Torres Vedras, suspeito de envolvimento no duplo homicídio ocorrido recentemente em Torres Vedras", pode ler-se na nota. 

Um comunicado emitido pela Polícia Judiciária (PJ), explica que o suspeito de 28 anos colocou-se em fuga numa viatura que pertencia à sua irmã, nesta madrugada, acompanhado de outro homem que "não se encontra envolvido nos factos". Ambos estavam escondidos junto ao carro, o que fez as autoridades desconfiar e questionar os mesmos. Ambos acabaram por ser detidos. 

Recorde-se que as vítimas, um homem de 63 anos e a filha de 37, foram encontradas mortas, este sábado, numa habitação em Santa Cruz, Torres Vedras. Segundo a PJ, "os crimes foram praticados na sequência de uma altercação entre o agressor e o seu pai, por este o repreender pela forma dissoluta como aquele, com hábitos de consumo de estupefacientes, levava a sua vida"

"Os factos foram cometidos no final da noite da passada sexta-feira, no concelho de Tores Vedras, quando o presumível autor atingiu mortalmente, com golpes de arma branca, o seu progenitor e a sua irmã, na residência que todos partilhavam", informa a PJ. O detido terá usado três armas brancas diferentes e está agora indiciado pela prática de dois crimes de homicídio qualificado. 

O homem será entretanto presente a primeiro interrogatório judicial, onde conhecerá as medidas de coação que deverá cumprir.