Politica

"O Governo está a preparar tudo para ter a primeira distribuição da vacina em janeiro"

A ministra da Saúde sublinhou que será a Direção Geral de Saúde (DGS) a ter uma decisão final sobre quem devem ser os grupos prioritários a receber a vacina.

A ministra da Saúde, Marta Temido, disse, esta quarta-feira, que as primeiras vacinas contra o novo coronavírus devem começar a ser distribuídas no início do ano, em declarações ao podcast do Partido Socialista, Política com Palavra. Nas palavras de Marta Temido, "o Governo está a preparar tudo para ter a primeira distribuição da vacina em janeiro".

A responsável pela pasta da Saúde explicou ainda a estratégia de vacinação pensada pelo Governo. "Nós acompanhámos aquilo que é a generalidade do pensamento e da evidências e do pensamento nos outros países. a população alvo será maioritariamente as pessoas acima de uma certa idade, com comorbilidades, profissionais de saúde e de serviços essenciais e eventualmente profissionais dos serviços sociais", disse.

A governante sublinhou que será a Direção Geral de Saúde (DGS) a ter uma decisão final sobre quem devem ser os grupos prioritários a receber a vacina e disse já ter criado uma equipa para definir a estratégia de vacinação no país, onde estão incluídos membros da DGS.