Sociedade

Hospitais Santa Maria e Pulido Valente suspendem cirurgias não prioritárias

Decisão insere-se no âmbito do alargamento da capacidade de resposta à pandemia.

O Hospital de Santa Maria e o Hospital Pulido Valente, em Lisboa, comunicaram, esta quarta-feira quer iriam suspender as atividades não-urgentes e não-prioritárias, nomeadamente no que diz respeito às cirurgias, no âmbito do alargamento da capacidade de resposta à covid-19.

O Centro Hospitalar de Lisboa Norte esclarece que as restantes cirurgias, como as prioritárias e as de ambulatório, as consultas presenciais e hospitais de dia, vão ser mantidos.

A administração indica ainda, numa circular, a que alguns órgãos de comunicação tiveram acesso, que "deverão ser desde já revistas as programações já efetuadas e adaptadas as planificações que doravante sejam realizadas".