Economia

Programa Adaptar Social + atinge os 19 milhões de euros

Com este reforço será possível dar cerca de 2.900 respostas sociais de combate e prevenção à covid-19, segundo uma nota do Ministério do Trabalho.

O programa Adaptar Social + foi reforçado em nove milhões de euros, segundo uma portaria publicada em Diário da República, e ascende agora aos 19 milhões de euros.

Com este reforço será possível dar cerca de 2.900 respostas sociais de combate e prevenção à covid-19, segundo uma nota do Ministério do Trabalho enviada às redações. Este programa apoia, nomeadamente, a aquisição de equipamentos de proteção individual para utilização pelos trabalhadores e utentes - como máscaras, luvas ou viseiras - , a instalação de equipamentos de higienização, de dispensa automática de desinfetantes ou a aquisição de aparelhos de medição de pressão arterial, termómetros e oxímetros.

"Será também apoiada a reorganização e adaptação de locais e dos 'layout' de espaços às orientações de prevenção, nomeadamente alterações de circuitos e criação de áreas de contingência. Este programa também abrange a instalação de equipamentos que garantam o distanciamento físico, como divisória", pode ainda ler-se no comunicado. 

Recorde-se que a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, anunciou, em julho passado, uma linha de financiamento, no valor de 10 milhões de euros, para a contratação de recursos humanos no setor social e na implementação de medidas de prevenção no âmbito da pandemia de covid-19, denominada Adaptar + Social.