Vida

Famosos em choque nas redes sociais com a morte de Sara Carreira

Veja aqui algumas reações de quem conviveu de perto com a jovem ou daqueles que a lembram como uma menina com "tantos sonhos de menina por realizar"

A cantora Sara Carreira, filha de Tony Carreira, morreu este sábado aos 21 anos num acidente de carro na A1, no quilómetro 61, perto de Santarém, quando seguia com o namorado no carro, que foi hospitalizado e ficou em estado grave. Assim que se soube da notícia, várias celebridades chegadas ou não da jovem e da família não tardaram em reagir nas redes sociais para lamentar a sua morte.

Cristina Ferreira publicou no Instagram uma imagem preta, onde escreveu que se tratava de um “dia muito triste” e “inimaginável”.

O seu colega de longa data, Manuel Luís Goucha, partilhou uma fotografia de Sara Carreira, onde escreveu que tinha “tantos sonhos de menina por realizar”, deixando depois um “abraço solidário” à família.

Rui Maria Pêgo recordou a cantora ao lembrar uma entrevista que lhe fez quando lançou a primeira música. “Cruzei-me algumas vezes com a Sara, e entrevistei-a de manhã na Mega quando lançou a primeira música. Não me esqueço da cara dela quando ouviu os primeiros acordes a ecoar pelo estúdio, a prova de que tanta gente estava finalmente a ouvi-la”, escreveu o locutor no Instagram.

“Um abraço grande a toda a família Carreira, aos amigos e pessoas que gostam e gostarão para sempre dela e, força para ti, Ivo, que consigas encontrar alguma medida de paz”, disse ainda.

O cantor dos D.A.M.A Miguel Cristovinho, deixou no Instagram um texto que reflete a passagem “efémera” pelo “mundo terreno”. “O nosso corpo e a nossa vida são demasiado frágeis”, começou por dizer. “Vivam o momento presente da forma mais genuína que conseguirem porque esse é verdadeiramente o único momento que temos”, completou.

A atriz Catarina Siqueira publicou na mesma rede social uma fotografia de David Carreira a beijar a irmã na testa, com carinho. “Às vezes tínhamos a surpresa da visita dela. Entrava pelo estúdio com um ar pasmado. Era tímida e tinha a palavra "sonhos" escrita nos olhos. Tinha 11 anos. Uma miuda amorosa. Sempre foi. Não nos olhava nos olhos e escondia-se, pequenina, atrás das calças do David. "oh. É só porque eu tenho um bocadinho de vergonha”, escreveu, recordando as visitas da pequena Sara quando visitava o irmão em gravações.

Catarina Siqueira deixou um “abraço quentinho no coração” a David Carreira e desejou “toda a força do mundo” a Ivo Lucas.

Também a apresentadora de televisão Liliana Campos recordou alguns momentos que partilhou com Sara Carreira. Conheci a Sara quando ela tinha 8 ou 9 anos. Apesar de ser a Princesa das Princesas, foi sempre uma ternura comigo”, disse. “A última vez que a vi, falámos de moda. Com toda a sua humildade pediu-me alguns conselhos”, lembrou.

Catarina Furtado reconheceu no Instagram que não consegue “imaginar pior dor. E já tantas mães e pais no mundo a sentiram. A pergunta mais sem resposta: porquê?”, questionou.

Dolores Aveiro, mãe de Cristiano Ronaldo, publicou uma fotografia preta acompanhada de uma legenda a dar força à família. “Nenhum pai, nenhuma mãe merece passar por isto. Que Deus vos dê muitas forças”, escreveu.

“Ninguém tem palavras para esta tragédia”, lamentou Tânia Ribas de Oliveira no Instagram, ao partilhar uma fotografia junto a Sara Carreira.

Nuno Santos, diretor-geral da TVI, reagiu à morte da filha de Tony Carreira, publicando uma fotografia de pai e filha, juntos, a cantar. “A Sara era uma miúda doce, de olhos muito vivos, claros, muito bonitos e não apenas por serem claros”, disse. “Era uma miúda cheia de sonhos. Presume-se que como todos os miúdos, mas ela tinha aquela determinação que todos têm na família e que encontrei pela primeira vez no pai vai para 20 anos”, escreveu na legenda do Instagram.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Nuno Santos (@nuno.sant0s)

Fernando Daniel, colega de profissão de Sara, afirmou que “ninguém merece partir tão cedo”. “Estive com a Sara poucas vezes, mas o suficiente para perceber que era uma ternura de pessoa e um Ser com uma luz incrível. Tinhas uma vida pela frente”, partilhou o jovem.

Momentos depois de ser conhecida a morte de Sara, Diogo Piçarra admitiu no Twitter que lhe custava acreditar no que tinha acontecido.