Sociedade

Morreram quase 100 pessoas de covid-19 em 24 horas

Boletim da DGS revela que há mais 98 vítimas mortais de covid-19. Número de doentes hospitalizados volta a subir, estão internadas mais 64 pessoas.

Os dados da DGS, disponibilizados este domingo, revelam um novo máximo diário de óbitos, nas últimas 24 horas morreram, vítimas de covid-19, 98 pessoas, atualizando o total de mortes associadas à doença para 5.559.

Na região Norte ocorreram 43 das 98 mortes, enquanto Lisboa e Vale do Tejo registou 30 óbitos, no Centro morreram 21 doentes, no Alentejo quatro e no Algarve um. As duas restantes vítimas mortais foram reportadas na Madeira.

A maioria das vítimas (75) tinha 80 ou mais anos, na faixa etária imediatamente anterior morreram 17 pessoas, entre os 60 e os 69 anos registaram-se quatro óbitos e há ainda a lamentar duas mortes em pessoas com menos de 40 anos.

Nas mesma 24 horas, foram registados também mais 4.044 infeções. Desde o início da epidemia no país já foram confirmados 348.744 diagnósticos positivos de covid-19.

Foi também no Norte que se registou um maior número de novos contágios, que soma mais 2.143 infetados, seguindo-se a Grande Lisboa com mais 1.112 casos confirmados, o Centro com mais 520, o Alentejo com mais 162 e o Algarve com mais 66. Nos Açores foram reportados mais 34 infeções e na Madeira mais sete.

Ao contrário do que tem acontecido, o número de doentes internados subiu, há, este domingo, 3.157 pessoas hospitalizadas, mais 64 do que ontem, nos cuidados intensivos estão 513 doentes, mais dez do que no sábado.

Em relação aos recuperados, são hoje mais 2.869 do que nos dados anteriores, num total de 271.322 que venceram a doença.

Os casos ativos são agora 71.863 e as autoridades de saúde têm sob vigilância 74.012 pessoas.

Consulte o boletim na íntegra.