Economia

IEFP. Número de desempregados inscritos aumentou 30,2% no espaço de um ano

O IEFP destaca ainda que número de casais com ambos os elementos inscritos nos centros de emprego aumentou 15,9% em novembro face ao mesmo mês de 2019, para 6114 (+840 casais).


O número de desempregados inscritos nos centros de emprego aumentou 30,2% em novembro em termos homólogos e diminuiu 1,3% face a outubro, segundo dados divulgados esta quinta-feira pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

Segundo o IEFP, no final de novembro, estavam registados nos serviços de emprego do continente e regiões autónomas 398 287 desempregados. Este número representa 69,6% de um total de 571 866 pedidos de emprego.

O IEFP destaca ainda que número de casais com ambos os elementos inscritos nos centros de emprego aumentou 15,9% em novembro face ao mesmo mês de 2019, para 6114 (+840 casais). Em relação a outubro, o número desceu 1,5% (-92 casais). estas contas surgem depois de o IEFP concluir que do total de desempregados casados ou em união de facto, 12 228 (8,1%) têm também registo de que o seu cônjuge está igualmente inscrito como desempregado.