Sociedade

Explosão em moradia na Guarda provoca três feridos

Dois pisos da vivenda ficaram "inabitáveis".


Uma explosão na cave de uma moradia, na Guarda, provocou um ferido grave e dois ligeiros, esta segunda-feira. 

O alerta foi registado às 14h59. O ferido grave, que sofreu queimaduras, e os dois feridos ligeiros foram transportados para o serviço de urgências do Hospital Sousa Martins, de acordo com declarações do comandante dos Bombeiros Voluntários da Guarda, Paulo Sequeira, à agência Lusa. 

A explosão teve origem "à partida" numa explosão de uma botija de gás, segundo Paulo Sequeira, no entanto o incidente está a ser investigado por elementos da PSP. 

O incidente provocou "danos na estrutura do edifício". Dois pisos da vivenda ficaram "inabitáveis" e segundo o comandante dos Bombeiros Voluntários da Guarda foram chamados ao local elementos da Proteção Civil municipal para equacionar o realojamento da família ou o seu acolhimento temporário em casa de familiares.

No local estiveram 16 elementos e oito viaturas dos Bombeiros Voluntários da Guarda, da PSP e da proteção civil municipal.