Internacional

"Temos de nos preparar para algo que pode ser ainda mais grave no futuro", alerta OMS

OMS destaca que apesar de se ter feito um enorme progresso científico para lidar com a covid-19, não estamos preparados para evitar futuras pandemias.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou, esta segunda-feira, que o mundo poderá enfrentar pandemias mais graves do que a que agora enfrentamos e que nos temos de preparar para algo que pode ser pior no futuro.

"Esta pandemia foi muito grave. Espalhou-se pelo mundo extremamente rápido, afetou cada canto do planeta. Mas esta não é necessariamente a ‘grande’ [pandemia]", alertou o diretor do programa de emergências sanitárias , Michael Ryan, durante uma conferência de imprensa.

"Este vírus é muito transmissível, mata, e tirou entes queridos de muitas pessoas. Mas a taxa de letalidade é razoavelmente baixa comparada a outras doenças emergentes. Isto é um alerta. O planeta é frágil. Estas ameaças vão continuar", acrescentou.

"Se há uma coisa que precisamos de aprender com esta pandemia, com toda a tragédia e perda, é que precisamos de organizar-nos. Temos que preparar-nos para algo que pode ser ainda mais grave no futuro", alertou.

Também Bruce Aylward, conselheiro sénior da OMS, disse que, apesar de o mundo ter feito um enorme progresso científico para lidar com a com a covid-19, não estamos preparados para evitar futuras pandemias.

"Estamos na segunda e na terceira ondas deste vírus e ainda não estamos preparados para lidar com pandemias e a sua gestão", disse na conferência de imprensa. "Embora estejamos mais bem preparados, não estamos totalmente preparados para esta [pandemia], muito menos para a próxima”, destacou.