Internacional

Sismo abala Croácia e faz número indeterminado de mortos e feridos

Petrinja é a cidade mais afetada.

Um sismo de magnitude 6,4 na escala de Richter fez tremer, esta terça-feira, a Croácia. A cidade de Petrinja foi a mais afetada pelo abalo, que provocou um número indeterminado de mortos e feridos.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), o sismo foi registado às 12:19 (11:19 em Lisboa) a uma profundidade de 10 quilómetros.

"Petrinja está em ruínas. Há mortos e feridos, há pessoas desaparecidas. Não há nenhuma casa que não tenha ficado danificada. As ambulâncias não podem chegar a todos os lugares. É um caos", disse o presidente da Câmara de Petrinja, Darinko Dumbovic, citado pelos orgãos de comunicação locais, revelando ainda que entre as vítimas mortais estaria uma menina - uma informação entretanto confirmada pelo primeiro-ministro croata.

O autarca tinha ainda adiantado que "os serviços de emergência estavam a começar a resgatar pessoas dos escombros" e que unidades do exército estavam no terreno para ajudar nos trabalhos de resgate.

Entretanto, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, utilizou o Twitter para oferecer ajuda ao país.