Internacional

Já foi administrada a primeira vacina Oxford/AstraZeneca

O primeiro paciente a receber a vacina foi um britânico de 82 anos

O primeiro a receber a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca no Reino Unido e no mundo foi Brian Pinker, paciente no Hospital de Churchill, doente renal e reformado com 82 anos.

O segundo paciente a receber a vacina Oxford/AstraZeneca contra a covid-19 foi Trevor Cowlett, professor de música de 88 anos e depois o diretor do Oxford Vaccine Group, Andrew Pollar.

Recorde-se que esta vacina foi aprovada a 30 de dezembro e o Reino Unido já assegurou 100 milhões de doses, as inoculações começaram esta segunda-feira de manhã. Para o ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, é “uma grande história de sucesso britânico” e um “triunfo da ciência britânica”, disse citado pela Sky News.

Numa primeira fase, vão ser distribuídas cerca de 53 mil doses da vacina da AstraZeneca por seis hospitais no Reino Unido, em Oxford, Sussex, Lancashire, Warwickshire e Londres – em duas unidades diferentes. A partir de hoje existem 700 locais de vacinação no Reino Unido, disse Hancock, mas o objetivo é chegar aos mais de mil até ao final da semana.

A outra meta do governo britânico é distribuir dezenas de milhões de doses nos meses seguintes, vacinando dois milhões de pessoas por semana. O Reino Unido espera administrar a segunda dose das duas vacinas agora disponíveis num período de 12 semanas após a primeira injeção. Até agora, um milhão de pessoas já recebeu uma injeção da vacina Pfizer/BioNTech.