Politica

Governo dá parecer favorável ao decreto que renova estado de emergência

Renovação terá a duração de oito dias.

O Governo deu parecer favorável ao decreto presidencial de renovação do Estado de Emergência, que vai vigorar entre os dias 8 e 15 de janeiro, avança a RTP3.

Amanhã, quarta-feira, o Parlamento vai debater e votar a renovação, que já terá a aprovação garantida com os votos favoráveis de PS e PSD.

De realçar que, contrariamente ao que tem acontecido, esta renovação terá a duração de oito dias e não de 15. Foi no passado sábado, durante o debate com Marisa Matias, que Marcelo admitiu que concordava com uma renovação do Estado de Emergência por um período mais curto. Marcelo sublinhou que "não há dados suficientes relativamente ao período de Natal", havendo mesmo "dados que são contraditórios", justificando que "houve pontes consecutivas e não houve testes", o que significa que só é possível ter uma reunião com os especialistas no dia 12. “Mas não é possível criar um vazio. Para não criar um vazio há que renovar", defendeu.

Recorde-se que o estado de emergência foi renovado até 7 de janeiro, com recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.