Economia

Função pública. Salários até 792 euros também vão ter aumentos

O líder da FESAP explicou que, com esta alteração, o total de funcionários públicos que beneficiarão de aumentos sobe para 148 mil, deixando 550 mil trabalhadores sem atualizações em 2021. 

Afinal, os salários dos funcionários públicos entre os 693 euros e os 792 euros também sofrer aumentos de 10 euros. A proposta já foi apresentada pelo Governo às estruturas sindicais. Feitas as contas, o “salário mínimo” do Estado aumenta, em 2021, 20 euros para 665 euros e as remunerações até 791,91 euros sobem 10 euros. Os restantes montantes ficam “congelados”.

O líder da FESAP explicou que, com esta alteração, o total de funcionários públicos que beneficiarão de aumentos sobe para 148 mil, deixando 550 mil trabalhadores sem atualizações em 2021.

Ainda assim, continua a criticar a escolha do Governo de aplicar o salário mínimo nacional à Administração Pública e, como tal, está a a ponderar pedir uma reunião suplementar sobre esta matéria, ou seja, este processo negocial poderá ainda não está fechado. A estrutura liderada por José Abraão salienta que, uma vez que o salário mínimo nacional aumentou 30 euros, seria compreensível que a remuneração base da Administração Pública beneficiasse da mesma subida e não dos 20 euros anunciados.

Antes da crise pandémica, o Governo tinha prometido aumentos de 1% a todos os funcionários públicos, mas com o impacto da covid-19, o Executivo optou por fazer atualizações apenas nas primeiras quatro posições da Tabela Remuneratória Única.