Sociedade

Novo recorde de óbitos no dia em que estão internadas mais 213 pessoas

O número de hospitalizações devido à covid-19 continua a disparar, atualmente estão internadas 3.983 infetados.

Portugal atingiu, esta segunda-feira, um novo máximo diário de mortes por covid-19, tendo registado 122 mortes nas últimas 24 horas, aumentando para 7.925 o número de vítimas mortais contabilizadas desde o início da pandemia.

O boletim da DGS revela também que, no mesmo período de tempo, foram diagnosticadas com a doença mais 5.604 pessoas. Assim, o país soma agora um total de 489.293 casos confirmados.

Lisboa e Vale do Tejo foi a região que registou um maior número de contágios, com 2.158 novos casos, segue-se o Norte com 1.498 infeções, o Centro com 997, o Alentejo com 519, os Açores com 138 e a Madeira com 61.

Em relação aos dados trágicos dos óbitos, foi também na região de Lisboa e Vale do Tejo que se concentraram a maioria (47) das mortes por covid-19. No Norte ocorreram 34 mortes, no Centro 28, no Alentejo nove e no Algarve quatro. Os Açores e a Madeira não registaram qualquer óbito associado à doença.

O número de internamentos é agora de 3.983, mais 213 do que ontem, uma subida muito significativa. Nos cuidados intensivos encontram-se neste momento 567, mais nove do que no balanço anterior.

Por outro lado, mais 2.948 pessoas recuperam da doença, aumentando o total para 372.056.

Atualmente, existem 109.312 casos ativos da doença e as autoridades de saúde têm sob vigilância 120.292 contactos.

Consulte o boletim na íntegra