Sociedade

Recolher obrigatório e aulas suspensas até ao final de janeiro na Madeira

Estas restrições vão começar já nesta semana e terminam no dia 31 de janeiro. 

O presidente da Região Autónoma da Madeira, Miguel Albuquerque, anunciou, esta segunda-feira, as novas medidas para travar a evolução da covid-19 na ilha.

Até ao final de janeiro, os madeirenses estão proibidos de circular na via pública a partir das 19h00 até às 05h00 do dia seguinte, durante os dias de semana. Já ao fim de semana, o recolher obrigatório começa às 18h00 e termina também às 05h00.

Na conferência de imprensa, Miguel Albuquerque também anunciou a suspensão das aulas presenciais para os alunos do 3º ciclo do básico e do ensino secundário a partir desta quarta-feira até ao dia 31 de janeiro. Os restantes vão continuar a frequentar as escolas, suspendendo-se apenas as atividades extracurrículares. 

O presidente da Região Autónoma da Madeira também aproveitou para incentivar a opção do teletrabalho.

Assim sendo, o arquipélago da Madeira não terá um confinamento geral, tal como se espera, esta semana, em Portugal continental.