Vida

Tom Cruise compra robots para vigiar equipa de Missão Impossível 7

A produção do filme Missão Impossível 7 já foi suspensa duas vezes devido à pandemia de covid-19


Depois do seu acesso de raiva ao perceber que a equipa de filmagem de "Missão Impossível 7" não cumpria as regras de segurança impostas pela pandemia de covid-19, Tom Cruise decidiu tomar medidas mais drásticas. De acordo com a imprensa internacional, o ator comprou dois robots para vigiar a equipa nos bastidores.

“O Tom leva as gravações tão a sério que investiu em dois robots, tendo com conta que não consegue estar em todos os sítios ao mesmo tempo, para se certificar que as pessoas se comportam”, disse uma fonte ao tabloide britânico The Sun.

Em dezembro, foi divulgado um áudio do ator de 58 anos a gritar com vários membros do staff por alegadamente não estarem a cumprir o distanciamento de dois metros de segurança. Poucos dias depois, cinco pessoas acabaram por se despedir.

A produção do filme "Missão Impossível 7" já foi suspensa duas vezes: em fevereiro e em outubro. Na segunda vez, vários membros de equipa testaram positivo ao novo coronavírus.