Sociedade

Lisboa e Vale do Tejo com a maior parte dos óbitos e dos novos casos. Número de internados não pára de aumentar

Há mais de 170 mil casos ativos de covid-19 no país.

Morreram em Portugal mais 252 pessoas devido à covid-19 e foram diagnosticados mais 6.923 casos da doença, revela o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta segunda-feira. Estes números representam um ligeiro decréscimo face aos últimos dias, contudo, o número diário de óbitos continua a ser um dos mais elevados de sempre e o número de novos casos segue o padrão observado à segunda-feira, resultante do menor número de testes realizados.

O país regista agora um total acumulado de 643.113 infetados e 10.721 óbitos desde o início da pandemia.

Lisboa e Vale do Tejo voltou a ser a região que concentrou o maior número de vítimas mortais da covid-19, com 113. Segue-se o Centro, com 56 óbitos, o Norte, com 54, o Alentejo, com 21, e o Algarve, com sete. No arquipélago da Madeira ocorreu uma morte.

À semelhança dos óbitos, a maior parte das novas infeções também foram diagnosticadas em Lisboa e Vale do Tejo, com 3.111 novos contágios. Segue-se o Norte, com 1.975 novos casos, o Centro, com 1.043, o Alentejo, com 390, e o Algarve, que regista mais 261 infetados. Na Madeira foram identificadas mais 112 infeções e nos Açores mais 31.

O número de internados continua a aumentar e a atingir valores recorde. Há agora 6.420 doentes internados nos hospitais portugueses devido à covid-19, mais 303 do que ontem. Destes, 767, mais 25, estão em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI).

De realçar que nas últimas 24 horas mais 5.266 pessoas recuperaram da doença, elevando o total de recuperados para 461.757.

Neste momento, existem 170.635 casos ativos da doença e as autoridades de saúde têm sob vigilância 212.711 contactos.

No boletim da DGS de hoje consta ainda informação atualizada sobre os concelhos. Aguiar da Beira é o concelho onde a situação da covid-19 é mais crítica, com uma incidência cumulativa a 14 dias de 6.255 casos por 100 mil habitantes. Também Cuba &6.22) e Figueira de Castelo Rodrigo (5.534) estão acima do patamar dos 5.000 casos.

Por outro lado, há quatro concelhos que registaram zero casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias - Corvo, Lajes do Pico, São Roque do Pico e Velas.

Consulte aqui o boletim na íntegra.