Desporto

Abel Ferreira em busca da Libertadores

Palmeiras e Santos lutam hoje pelo título na Taça Libertadores, no Maracanã, numa final que poderá dar a Abel Ferreira o seu primeiro título como treinador.

O Palmeiras de Abel Ferreira, de 42 anos, enfrenta hoje o Santos na grande final da Taça Libertadores. O técnico português chegou ao Palmeiras em novembro de 2020 e orientou a equipa até à final da maior competição de clubes da América Latina, cuja edição anterior foi vencida pelo Flamengo, treinado na altura por Jorge Jesus. 
Mesmo que Abel Ferreira não vença esta partida, a final da Libertadores fica com um selo lusitano, já que o Santos foi, durante uma fase da competição, treinado por Jesualdo Ferreira, que em agosto de 2020 deixou os brasileiros e, mais tarde, rumou ao Boavista.

O caminho do Palmeiras até à final da Libertadores não foi, no entanto, nada fácil. As meias-finais contra o River Plate da Argentina até começaram bem, com a equipa de Abel Ferreira a golear por três a zero os argentinos na primeira volta, em que atuaram como visitantes. No regresso ao Brasil, no entanto, o Palmeiras foi derrotado por duas bolas a zero. Não fossem os três golos marcados na primeira volta, esse teria sido o fim da equipa na competição.
Recorde-se que Abel Ferreira chegou ao Palmeiras quando a equipa disputava os 16-avos-de-final da Taça Libertadores, vencendo o clube equatoriano Delfín FC por uns estonteantes oito golos a um, no aglomerado.

O Santos, por sua vez, viu Jesualdo Ferreira orientar a equipa durante os primeiros dois jogos da fase de grupos, antes da saída abrupta do técnico português.

Hoje, Abel Ferreira procura atingir o seu primeiro título como treinador profissional, que é nada mais nada menos do que o título da Taça Libertadores. Caso venha a vencer, esta competição verá o segundo treinador português liderar uma equipa até à vitória, após a jornada de Jorge Jesus com o Flamengo na temporada passada. Em conferência de imprensa, o técnico não deixou dúvidas sobre as suas motivações: «Para ganhar títulos temos de estar em clubes como o Palmeiras. Foi esse o grande desafio que aceitei. Senti e sinto que temos todas as condições para isso. Foi por isso que atravessei o Atlântico, para eu, juntamente com os jogadores neste grande clube, trabalhar para chegar a decisões e ganhar».

O Palmeiras de Abel Ferreira

A vida de Abel Ferreira no Palmeiras tem sido feita de altos e baixos. O técnico português levou a equipa até duas grandes finais: a da Taça Libertadores, a acontecer hoje no Maracanã, e a da Taça do Brasil, onde o Palmeiras irá enfrentar o Grêmio, num jogo em duas partes, a 12 e 18 de fevereiro.
No Brasileirão, a história já é outra. O Palmeiras está cada vez mais longe de conseguir o título. Dez pontos separam a equipa de Abel Ferreira do atual líder da tabela, o Internacional, que conta oito vitórias seguidas na liga, uma das quais precisamente contra o Palmeiras.