Sociedade

Costa: "Quem não cumpre as regras de vacinação deve ser punido"

Primeiro-ministro sublinha que "a vacina é a garantia que vamos erradicar esta pandemia".


A vacinação de idosos com 80 ou mais anos e de pessoas com mais de 50 anos com doenças associadas em centros de saúde arrancou esta quarta-feira em Lisboa.

Para assinalar o arranque, o primeiro-ministro, António Costa, e a ministra da Saúde, Marta Temido, estiveram num centro de saúde em Alvalade, Lisboa.

"Este processo vai demorar", afirmou Marta Temido. Já António Costa sublinhou que esta "nova fase é muito mais exigente". Mas acrescentou: "A vacina é a garantia que vamos erradicar esta pandemia".

No final da visita, António Costa, confrontado com as situações de vacinação indevida, afirmou: "Quem não cumpre as regras de vacinação deve ser punido".

O primeiro-ministro fez ainda questão de passar a mensagem de que não deve haver “um excesso de ansiedade” em relação ao plano de vacinação.

“Há algo que é fundamental: Não vale a pena termos um excesso de ansiedade, nem vale a pena correr para as unidades de cuidados de saúde para pedir a vacina. Cada um vai ser contactado para no momento próprio poder receber a vacina”, sublinhou.

"Não vale a pena fazermos de treinadores de bancada, achando que esta ou aquela doença deve ser mais prioritária do que a outra. Confiemos naquilo que nos dizem os médicos e os profissionais de saúde", acrescentou.

Segundo o Ministério da Saúde, a vacinação decorrerá hoje nas Unidades de Saúde Familiares de Alvalade e do Parque, em Lisboa e Vale do Tejo, onde até sexta-feira deverão ser administradas cerca de 300 vacinas contra a covid-19.

Na quinta-feira, o processo de vacinação arranca na região Norte, com sete locais em Braga, Marão e Douro Norte, Porto Oriental, Póvoa de Varzim/Vila do Conde, Gaia, Gondomar e na Unidade Local de Saúde Nordeste.

Os comentários estão desactivados.