Internacional

Governo holandês prolonga recolher obrigatório até 2 de março

Os bares, restaurantes e lojas não essenciais irão permanecer encerrados até à mesma data.


Os Países Baixos vão continuar com o recolher obrigatório até 2 de março para travar a propagação do novo coronavírus no país. O recolher entre as 21h e as 4h30 entrou em vigor a 23 de janeiro e deveria terminar na próxima quarta-feira.

É uma medida "necessária devido às novas variantes mais contagiosas do novo coronavírus", explicou o governo holandês, num comunicado. Os bares, restaurantes e lojas não essenciais irão permanecer encerrados até à mesma data.

Este foi o primeiro recolher obrigatório imposto no país desde a Segunda Guerra Mundial e tem originado várias manifestações. Apesar de, segundo o governo, 95% dos holandeses respeitaram as medidas impostas para combater a covid-19, a instauração do recolher obrigatório desencadeou várias manifestações no país, tendo a polícia utilizado canhões de água e gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes. Cerca de 400 pessoas foram detidas.