Economia

Volume de negócios na indústria caiu 10,6% em 2020

No conjunto do ano 2020, o emprego, as remunerações e as horas trabalhadas registaram diminuições homólogas de 2,4%, 0,5% e 8,3%, respetivamente.


O índice de volume de negócios na indústria caiu 10,6% em 2020, em comparação com 2019, divulgou esta terça-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE). O gabinete estatístico avança com os dados anuais, depois de este indicador ter registado uma redução mensal homóloga de 7,7% em dezembro do ano passado.

O INE acrescenta que “sem o agrupamento de Energia, as vendas passaram de um crescimento de 0,8% em novembro, para uma redução de 5,2% em dezembro”. “Os índices relativos ao mercado nacional e ao mercado externo registaram variações de -5,6% e -11,0% (-6,6% e -1,1% no mês precedente, pela mesma ordem)”, refere.

No quarto trimestre de 2020, as vendas na indústria tiveram uma diminuição homóloga de 6,7% (-6,3% no terceiro trimestre). No conjunto do ano 2020, o índice de volume de negócios na indústria diminuiu 10,6% (-1,0% em 2019).

Em dezembro, o emprego, as remunerações e as horas trabalhadas em dezembro apresentaram variações homólogas de -2,9%, -1,9% e -6,1%, respetivamente (-2,7%, 2,2% e -7,7% em novembro, pela mesma ordem). No conjunto do ano 2020, o emprego, as remunerações e as horas trabalhadas registaram diminuições homólogas de 2,4%, 0,5% e 8,3%, respetivamente (em 2019 tinham crescido 0,6%, 3,7% e 0,8%, pela mesma ordem).