Internacional

Reino Unido diminuiu números de novos casos e mortes e está cada vez mais perto de desconfinar

Os britânicos já estão em confinamento quase total desde janeiro e estão a conseguir dia para dia conter a propagação do vírus no país. Registaram, este sábado, 13.308 novos casos e 621 mortes.

O Reino Unido contabilizou, este sábado, 13.308 novos contágios, menos 1.836 do que ontem, e 621 vítimas mortais associadas ao novo coronavírus, menos 137 do que na sexta-feira.

De acordo com o ministério da Saúde britânico, 1.741 doentes covid foram internados, um valor que também diminuiu, tendo menos 159 pessoas nas unidades hospitalares.

Pela primeira vez desde julho, o risco de transmissibilidade (Rt) na sexta-feira chegou abaixo de um, variando entre 0,7 e 0,9.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, mostrou-se “otimista” com estes resultados e está a ponderar retirar aos poucos as medidas de confinamento a partir de 22 de fevereiro, tendo como prioridade a reabertura das escolas no início de março, dia 8.

O governo está quase a traçar a meta que estipulou para a vacinação. Até segunda-feira, o executivo britânico quer ter os quatro principais grupos prioritários da população vacinados, que são no total cerca de 15 milhões de ingleses. Até à data, 14.556.827 pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra a covid-19, ficando a faltar menos de meio milhão a vacinar. 

Desde o começo da pandemia de covid-19, o Reino Unido conta num total acumulado com 4.027.106 novos casos e 116.908 mortes associadas à doença.