Sociedade

Homem de 60 anos importunava menores perto de escola em Lisboa

Numa das ocasiões, uma das vítimas só não foi violada porque conseguiu fugir.

Um homem, de 60 anos, foi acusado pelo Ministério Público de um crime de abuso sexual de menores, dois crimes de importunação sexual e um crime de violação, na forma tentada.

De acordo com uma nota publicada no site oficial da Procuradoria da República da Comarca de Lisboa, esta quarta-feira, os factos ocorreram em quatro ocasiões distintas, três delas no ano 2019 e uma já em 2020, e tiveram lugar num parque público dos Olivais, em Lisboa.

A acusação refere que “o arguido abordava menores nas proximidades da escola que frequentavam, constrangendo-as nessas abordagens a manter consigo contacto físico sexual, contra as suas vontades”.

Numa das ocasiões, o arguido tentou manter com uma vítima atos sexuais, tentando despi-la, “o que apenas não logrou porque esta se debateu e fugiu”.

O arguido encontra-se sujeito à medida de coação de prisão preventiva.

A investigação foi dirigida pelo Ministério Público da 2.ª secção do DIAP de Lisboa.