Desporto

Ferrari põe fim a hiato de 50 anos no Mundial de resistência

O fabricante italiano vai regressar ao Mundial de resistência, após 50 anos de ausência.

A Ferrari tem nove títulos das 24 Horas de Le Mans, um dos principais eventos mundiais do desporto automóvel, mas há 50 anos que não participa neste evento.

Em 2023, no entanto, a mítica construtora italiana regressa para integrar a nova categoria de Hypercar, após a sua última aparição na competição, em 1973.

"A Ferrari confirma mais uma vez o seu compromisso desportivo e a sua determinação em ser protagonista dos grandes eventos do automobilismo mundial [como as 24 Horas de Le Mans]", referiu em comunicado John Elkann, presidente da construtora.

A organização do evento saudou o regresso da Ferrari, relembrando que "tem uma longa e ilustre história nas provas de resistência e em particular nas 24 Horas de Le Mans", evento que venceu por nove vezes.

Para além da Ferrari, estarão presentes na categoria de Hypercar as marcas Peugeot, Glickenhaus, Audi, Porsche e Toyota.