Sociedade

Mais recuperados do que novos infetados nas últimas 24 horas em Portugal

Nas últimas 24 horas, não se registaram óbitos no Algarve, na Madeira e nos Açores - arquipélago onde também não foram diagnosticados novos casos. Número de internados voltou a descer significativamente. 

O novo balanço das autoridades de saúde nacionais, divulgado sexta-feira, revela que foram diagnosticados 1.027 novos casos de covid-19 e 58 óbitos associados à doença nas últimas 24 horas. No total, o país soma agora 16.243 vítimas mortais e 802.773 infetados desde o início da pandemia.

O número de mortes voltou a subir, depois de dois dias a descer - na passada quarta-feira registaram-se 50 mortes e na quinta-feira 49.

Segundo o boletim da DGS desta sexta-feira, Lisboa e Vale do Tejo voltou a registar o maior número de infeções: 410. Segue-se o Norte com 250, o Centro com 140, o Algarve com 54 e o Alentejo com 51. Na Madeira há mais 123 infetados e nos Açores não foram notificados novos casos – A DGS sublinha que "o relatório reflete uma descida do número total de casos da região dos Açores, por força da necessidade de correção de um caso duplicado, não tendo sido notificado qualquer caso na região dos Açores no dia em análise".

Das 58 mortes, 28 ocorreram em Lisboa e Vale do Tejo, 13 no Centro, 11 no Norte e seis no Alentejo.

O número de internados voltou a descer e, neste momento, estão internadas devido à covid-19 2.404 pessoas, menos 209 do que no balanço anterior. Destas, 522 encontram-se em Unidades de Cuidados Intensivos, menos 14 do que ontem.

Mais 2.780 pessoas recuperaram da doença, elevando o total para 714.493.

Atualmente há 72.037 casos ativos, menos 1.811 do que na véspera, e as autoridades de saúde têm 53.166 contactos sob vigilância.

Consulte aqui o boletim na íntegra.