Sociedade

Agente da PSP que chamou "aberração" a Ventura suspenso por dez dias a partir de sábado

Decisão do comandante da Unidade Especial de Polícia foi confirmada pelo diretor nacional da PSP.


O agente da PSP Manuel Morais vai iniciar no sábado uma pena disciplinar de 10 dias de suspensão por comentários na rede social Facebook considerados "inapropriados e contrários à deontologia policial", confirmou, esta sexta-feira, a direção nacional daquela polícia.

Em causa está um texto de Manuel Morais, publicado no Facebook a 14 de junho de 2020, no qual se refere a André Ventura como "aberração", acrescentando: "Decapitem esses racistas nauseabundos que não merecem a água que bebem".

A pena de suspensão aplicada ao agente do Corpo do Intervenção da PSP foi imposta pelo comandante da Unidade Especial de Polícia, mas Manuel Morais apresentou recurso, que foi indeferido pelo diretor nacional da PSP, Magina da Silva.

"Nos termos do estatuto disciplinar da PSP, a pena foi aplicada pelo comandante direto do visado, neste caso o comandante da Unidade Especial de Polícia e confirmada, em sede de recurso hierárquico, pelo diretor nacional", lê-se no comunicado da PSP.

Esta força de segurança sublinhou ainda que todos os polícias, enquanto agentes da autoridade pública e titulares do uso da força, "têm um conjunto de direitos e deveres", que são "mais exigentes e distintos dos restantes cidadãos".