Internacional

Moderna anuncia testes clínicos da vacina contra a covid-19 em crianças

Estudos irão incluir cerca de 6.750 crianças com idades entre os seis meses e os 12 anos, nos Estados Unidos da América e no Canadá.

A empresa norte-americana Moderna anunciou, esta terça-feira, que começou a realizar testes clínicos da sua vacina contra a covid-19 em crianças com idades entre os seis meses e os 12 anos. Os ensaios deverão abranger cerca de 6.750 participantes dos Estados Unidos da América (EUA) e do Canadá.

"Estamos felizes por iniciarmos esta fase do estudo do mRNA-1273 [o nome dado à sua vacina] em crianças saudáveis nos Estados Unidos e do Canadá", anunciou o CEO da Moderna, Spethane Bancel, em comunicado.

Durante a fase 2 do estudo, denominado KidCOVE, serão administradas duas doses da vacina ou um placebo, separados por 28 dias e em quantidades distintas. Depois de vacinadas, as crianças vão estar sob observação durante um ano.

"Este estudo pediátrico vai ajudar-nos a avaliar os níveis de segurança e imunidade da nossa vacina contra covid-19 na camada mais jovem da população", afirmou Bancel.

A empresa já tinha dado início, em dezembro, a um estudo com jovens entre os 12 e os 17 anos, no qual participaram cerca de três mil pessoas. Os resultados preliminares devem estar disponíveis na primavera, segundo a revista alemã Der Spiegel, mas as conclusões finais só são esperadas em 2022.