Desporto

Ricardinho é operado amanhã devido a lesão que o obriga a falhar o resto da temporada

O jogador internacional de futsal não vai terminar a atual temporada devido à lesão que sofreu ao serviço da seleção nacional. 

O internacional português Ricardinho, que joga pela equipa ACCS Paris, da liga francesa de futsal, não vai terminar a atual temporada por lesão.

Num direto que fez no seu Instagram, o jogador de 35 anos anunciou que será operado, esta terça-feira, em Lisboa, a uma rotura no tendão longo, ficando sem poder competir “nos próximos meses”.

«Tem-se falado muito sobre a minha ausência das quadras, na Seleção e no clube. Infelizmente, venho informar que a minha temporada chegou ao fim», anunciou Ricardinho.

«Tive uma lesão ao serviço da Seleção, nos jogos com a Polónia. Senti uma dor muito forte nesta zona [perna direita], até ao tornozelo. Fiz tratamento para jogar, para poder fazer os dois jogos. Voltei ao clube, treinei mas senti outra vez uma dor grande. Fiz exames e recebi a má notícia de que tinha uma rotura no tendão longo e que me vai impedir de jogar nos próximos meses», explicou o jogador de futsal.

«Foi uma decisão que tinha de tomar rápido, decidir se forçava até ao final da época, com tratamentos e ligaduras, ou se parava e se me preparava da melhor maneira para aquele que será o meu último Mundial com a Seleção. Já estou em Lisboa. Vou fazer testes hoje [segunda-feira] para ser operado amanhã pelo médico da nossa Seleção. Esperemos que corra tudo bem, que seja rápido. Depois é esperar para ver se corre tudo bem e em três meses volto a estar no top», esclareceu Ricardinho, mantendo-se otimista na sua recuperação.

Sublinhe-se que o Campeonato do Mundo de futsal decorrerá entre os dias 12 de setembro e 3 de outubro, em três cidades da Lituânia: Vilnius, Kaunas e Klaipeda.