Sociedade

Internamentos por covid-19 em Portugal voltam a descer

Portugal registou mais 10 vítimas mortais e 434 casos de covid-19 nas últimas 24 horas. O número de internamentos voltou a descer depois de dois dias a subir e o Norte é a região do país com mais óbitos. 


Portugal registou, nas últimas 24 horas, 434 casos do novo coronavírus e dez óbitos, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), divulgado esta terça-feira. O número de internamentos voltou a descer depois de dois dias a subir e o Norte é a região do país com mais óbitos. 

Lisboa e Vale do Tejo é a região com o maior número de novos casos nas últimas 24 horas: 157. Segue-se o Norte com 113, o Centro com 58, o Algarve com 28 e o Alentejo com 20. Nos arquipélados da Madeira e dos Açores há 34 e 24 novas infeções, respetivamente.

Segundo o boletim, Portugal tem uma incidência de 81,3 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias e Portugal continental de 70,3. O rácio de transmissibilidade (RT) situa-se nos 0,89 em Portugal e nos 0,88 em Portugal continental.

O Norte, que ontem não registou qualquer morte por covid-19, tem hoje cinco vítimas mortais, mais duas do que Lisboa e Vale do Tejo (3). O Centro e o Alentejo contabilizaram mais uma morte cada.

O número de internamentos voltou a descer depois de dois dias a subir. Atualmente, estão hospitalizadas nos hospitais portugueses 743 pessoas com covid-19, menos 28 do que no dia anterior. Em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI) estão 159 pessoas, menos seis do que ontem.

Portugal registou, desde o início da pandemia, 818.212 casos do SARS-CoV-2, 32.332 dos quais permanecem ativos e 16.794 não resistiram. Nas últimas 24 horas, 1.212 pessoas recuperaram da doença, elevando o total para 769.086. Atualmente, as autoridades de saúde têm 14.918 contactos em vigilância.

Consulte aqui o boletim na íntegra.