Desporto

Cidade Sporting: Clube leonino vai reformular a zona envolvente do Estádio José Alvalade

O projeto foi apresentado, nesta quinta-feira, e prevê a construção de um campo de basquetebol e um parque de skate junto ao estádio e ao pavilhão João Rocha.

O Sporting CP lançou nesta quinta-feira um projeto urbanístico para reformular as zonas envolventes do estádio José Alvalade e o pavilhão João Rosa. A empreitada, que teve a colaboração da Câmara Municipal de Lisboa e da Junta de Freguesia do Lumiar, arranca em maio, e vai começar por criar uma ligação - a simular uma pista de tartan - entre os diferentes edifícios.

Em junho, na segunda fase da obra, deverá ser ainda construído um campo de basquetebol e um parque de skate junto ao estádio, com arte urbana a decorar ambos os espaços.

"O Sporting quer com isso apostar no skate, à imagem do que fez com o surf, e reforçar a aposta no basquetebol, modalidade que recuperou em 2019/2020, ainda que, neste caso, numa componente mais lúdica, mas que pretende atrair mais praticantes. O campo de basquetebol embora não seja oficialmente de 3x3 – modalidade olímpica a partir deste ano –, está alinhado com o projecto 3x3 BasketArt, promovido pela Federação Portuguesa de Basquetebol (FPB)", revelou o clube, que fez questão de relembrar que o projeto encaixa na própria cidade de Lisboa, que é Capital Europeia do Desporto em 2021, e que, com este projeto, "dará aos lisboetas e aos seus visitantes novos espaços para a prática desportiva".