Economia

Tribunal alemão atrasa ratificação da ‘bazuca’

Não existe prazo definido para a decisão, podendo demorar até três meses.

O Tribunal Constitucional alemão impediu o Presidente do país, Frank-Walter Steinmeier, de promulgar a legislação que ratifica o Fundo de Recuperação da União Europeia.

Em causa está a avaliação de um recurso de emergência apresentado pelos opositores ao plano de recuperação da UE, que argumenta contra a emissão de dívida conjunta da Comissão Europeia, que engloba 750 mil milhões de euros.

Não existe prazo definido para a decisão, podendo demorar até três meses.