Sociedade

Marinha salva velejador italiano a mais de 200km a Oeste do cabo de São Vicente

O velejador, de 57 anos, dirigia-se do Porto Santo para Sines.

Marinha Portuguesa
Marinha Portuguesa

"O navio patrulha oceânico Figueira da Foz - NRP - resgatou um velejador solitário que se encontrava a navegar a cerca de 110 milhas náuticas (equivalente a mais de 200 km) a Oeste do Cabo de São Vicente e em dificuldades quando as condições meteo oceanográficas afetaram severamente a sua capacidade de navegar", é possível ler na nota divulgada no site oficial da Marinha.

Na página da autoridade, compreende-se que o NRP Figueira da Foz chegou à área de operações às 21h30 de sexta-feira quando se fazia sentir ondulação e vento fortes, tendo resgatado o velejador, de 57 anos de idade, de nacionalidade italiana, que se dirigia do Porto Santo para Sines.

"Após confirmar o afundamento da embarcação, o NRP Figueira da Foz, dirigiu-se para o porto de Sines onde desembarcou esta manhã, domingo dia 28 de março, o tripulante com o apoio dos meios da Autoridade Marítima Nacional", conclui no comunicado.