Sociedade

Homem de 62 anos detido por agredir e ameaçar de morte a ex-mulher

 O homem e a ex-mulher, de 57 anos, estiveram casados durante 38 anos.

Um homem de 62 anos foi detido, na segunda-feira, pelo crime de violência doméstica, no concelho de Vila Nova de Gaia, anunciou, esta terça-feira, a Guarda Nacional Republicana (GNR) do Porto. 

O caso foi identificado através de "uma investigação de violência doméstica", revela a GNR, na qual "os militares da Guarda apuraram que o suspeito, habitual consumidor de bebidas alcoólicas, agrediu fisicamente, injuriou e ameaçou de morte a vítima". O homem e a ex-mulher, de 57 anos, estiveram casados durante 38 anos.

Enquanto ainda eram casados, "existiram vários episódios de violência" e, mesmo após a separação, "movido por ciúmes", o agressor perseguiu e procurou persistentemente a vítima.

O detido foi presente a interrogatório judicial, no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de afastamento da residência da vítima, proibição de contactar a vítima por qualquer meio ou forma e de se aproximar dos locais habitualmente frequentados pela mesma, não se podendo aproximar desta e proibição de deter ou adquirir armas de qualquer natureza.